in

Saiba como evitar dor de garganta

Algumas condições como a mudança repentina de temperatura, exposição a ar condicionado e baixa imunidade, são consideradas como as principais causas de dor na garganta.

Publicidade

Isso porque nosso corpo precisa se adaptar a essas condições e isso pode afetar diretamente nossa saúde. Sendo assim, a garganta a primeira a se manifestar insatisfeita com essas mudanças.

Ao contrário do que as pessoas possam imaginar, a chata “dor na garganta” pode ser alerta para infecções e inflamações que vão além da garganta. Assim, podendo afetar também o sistema digestivo e todo o organismo responsável por nossa respiração.

Dor de garganta

A dor de garganta pode ser consequência de uma inflação ou infecção. Assim, as amígdalas são atacadas por vírus ou bactérias, a dor de garganta é consequência de uma amigdalite. A amigdalite pode causa febre com temperaturas altas, além de causar desconforto ao falar, comer ou beber.

A frequência que cada pessoa venha a ter dores de garganta podem variar de acordo com as condições expostas e sua alimentação. Isso porque a alimentação é o fator que influencia diretamente na imunidade.

Publicidade

Os primeiros sintomas que a pessoa sente com a infecção ou inflamação é a incômoda dor na garganta. Assim, ao perceber isso, é preciso ficar alertas nos sintomas que seguem, como febre.

Se for uma infecção (causada por vírus), a dor pode ser mais intensa. Quando a dor provém de bactérias, é preciso ter maior controle, já que pode atingir a corrente sanguínea.

Evite Condições agravantes

  • Ar condicionado: o ar condicionado é um dos principais causadores diretos que dores de garganta. Ao ficar exposto ao ar condicionado, é importante controlar sua temperatura, para quando sair do ambiente não tenha uma mudança brusca de temperatura;
  • Alimentos congelados: Isso porque, ao consumirmos alimentos com essa temperatura, acontece a contração dos vasos sanguíneos, o que faz com que menos sangue nessa região. Recebendo menos sangue, a área se torna menos protegida, sendo mais suscetível a doenças;
  • Alimentação: o nosso sistema de defesa, depende diretamente do que consumimos. Por isso, é preciso ter uma alimentação saudável e equilibrada, com os nutrientes necessários para o bom funcionamento do organismo. Evite consumo de alimentos industrializados, preferindo os de origem orgânica.

Cirurgia é a solução?

Para ter indicação de cirurgia é preciso consultar um médico, assim terá um diagnostico mais preciso sobre o melhor tratamento para seu caso.

Entre as condições mais influentes no encaminhamento para realização da retirada das amígdalas, é a frequente de infecções ou inflamações. Isso porque, o uso frequente de medicamentos como antibióticos pode ser prejudicial a saúde, além das incômodas dores de garganta.

Alergia

Dor de garganta alérgica pode ser causada por exposição a fatores como poluição, poeira, produtos químicos e até mesmo reação a determinados alimentos. Assim, para evitar esse tipo de irritação, é importante evitar exposição a possíveis fatores agravantes do caso.

Publicidade

Fatores que ajudam a evitar a dor de garganta

  • Beba bastante água: o consumo de água é importante para todas as funções de nosso organismo, inclusive a proteção de nossos sistemas.
  • Se alimente bem: a alimentação está diretamente ligada ao estado de nossa saúde. Assim, consuma alimentos frescos e orgânicos e evite o consume de álcool e alimentos industrializados.
  • Agasalhe-se: bruscas mudanças de temperatura podem ser agravantes e causadores de dor de garganta. Portanto, ao sair de casa, esteja sempre agasalhado para não estar exposto a friagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Imagem cartão americanas.com

Cartão Americanas – veja os benefícios e peça o seu!

Imagem venda sendo concretizada.

5 dicas para ser um bom vendedor e ganhar mais